Guialazer

Eu vou (1 Pessoas vão a este evento)

Por Sílvia Pereira

À 21.ª edição, e passados tantos sons de tantos lugares, o Festival de Músicas do Mundo de Sines ainda acolhe novos países. Burundi e Malásia são os estreantes entre os mais de 30 países que integram o cartaz deste ano.


O primeiro vem representado por JP Bimeni & The Black Belts; o segundo, pelo grupo The Venopian Solitude. Estão entre os muitos – Keziah Jones, The Tunes, Dobet Gnahoré, The Wanton Bishop, Gaiteiros de Lisboa, Red Baraat… – que se apresentam no festival gratuitamente, entre Porto Covo e a cidade de Vasco da Gama, enquanto o festival não sobe ao Castelo de Sines. Aqui, a partir de 24 de Julho, tocarão nomes como Nubya Garcia, Gipsy Kings by Diego Baliardo, Branko, Kokoroko, Susheela Raman, Chico César, Omar Souleyman, Inner Circle ou Ladysmith Black Mambazo. A música ao vivo passa ainda por um palco à beira-mar e outro no Centro de Artes.

Exposições, instalações, dança, espectáculos para bebés, oficinas, visitas guiadas, cinema, sessões de contos, uma conferência e uma feira do livro e do disco também entram no mapa.